17 min read
Rate this post

Como usar o CBD no seu animal

Décadas de pesquisas e estudos comprovam de maneiras irrefutável as provas de que Cannabis possui propriedades medicinais. Este é um dos motivos óbvios que faz com que os  veterinários queiram utilizar o óleo de CBD em cães e gatos, pois eles são capazes de processar o CBD.

Usar o CBD no seu animal de estimação é uma pratica absolutamente legal no Estados Unidos. Assim como para os humanos, os óleos de CBD podem ser usados para tratar diversos problemas de saúde que seu animal possa ter. Os mais populares são a epilepsia e a artrite e ambos podem ser tratados com o CBD. Os benefícios de usar o CBD são muito maiores que os riscos, por isso você pode fazer o usa para obter excelentes resultados de maneira eficaz.

Então vamos falar sobre os óleos de CBD e como eles podem beneficiar o seu animal de estimação.

Mapa

  • O que é CBD?
  • Quais animais podem se beneficiar do CBD?
  • Os benefícios de usar o CBD no seu animal de estimação
  • Os efeitos colaterais do CBD no animais
  • Quanto CBD o seu animal pode ingerir?
  • Como usar CBD nos animais
  • Os veterinários recomendam o CBD?
  • Conclusão

 

O que é CBD?

O Cannabidiol ou CBD é uma substância simples extraída da planta da Cannabis. O nível de cannabinoide é alto e o nível de THC, que te deixa mocado, é baixo. Estes óleos são normalmente feitos quando o Butano, Azeite de Oliva, Álcool, CO2 ou água gelada é passado sobre a material final da planta da Cannabis

Assim que estes solventes são passados pelas folhas, caule e raiz eles extraem ou dissolvem o cannabinoide e mantém estes componentes na solução. Estes solventes são então evaporados e como resultado obtemos o chamado óleo de CBD.

 

Os produtos CBD são seguros para os cachorros?

É importante sempre ressaltar que o óleo CBD para os cachorros é um produto não psicoativo. Isso significa que o seu cachorro não vai ficar mocado se usar os nosso produtos. Isso, por sinal, é o grande trunfo do CBD: ele proporciona todos os benefícios médicos sem os efeitos psicoativos da maconha.

Agora que você já conhece o óleo CBD, vamos ver e entender como o produto pode beneficiar o seu animal de estimação.

 

Que tipo de animais de estimação se beneficiam do uso do CBD?

Geralmente, a maioria dos animais classificados como cordado, ou seja, que possuem uma espinha dorsal, possuem um sistema endocannabinoide, assim como os seres humanos. Este sistema é fundamental no processamento da propriedades presentes no óleo de CBD. Isso significa que você pode usar tranquilamente os produtos CBD em quase todos os animais de quarto patas como gatos, cachorros e até cavalos.

 

Você pode usar o CBD no meu peixe?

Curiosamente os moluscos, peixes e anfíbios também possuem um sistema endocannabinoide. Por isso, a cannabis ou o óleo de CBD tem que ser levado à sério quando o assunto é cura natural.

Assim como os humanos, os animais de estimação podem sofrer uma série de doenças, tanto físicas quanto mentais. Muitos cientistas já provaram que os óleos de CBD são extremamente eficazes e tem efeito muito positive ao tratar doenças nos seres humanos. Então, é possível também usar nos cães e gatos, já que eles possuem o mesmo sistema endocannabinoide que nós. Aqui nós vamos discutir as razões para se usar o tratamento por CBD no seu animal de estimação.

 

Os Benefícios de usar o CBD nos animais de estimação

Combate a Ansiedade

A depressão e ansiedade aparecem quando há um desequilíbrio químico no cérebro. Os cachorros são especialmente suscitáveis à este tipo de problema. Relatórios de veterinários e médicos mostram que os óleos de CBD são agente importantes na busca do balanceamento deste equilíbrio químico que quando desregulado resulta na ansiedade e depressão. Logo, os componentes do CBD podem interagir com os receptores de seratonina e a adenosine que são capazes de trazer um funcionamento perfeito do cérebro. Muitos donos usam os óleo de CBD para combater a ansiedade causada por fogos de artifício e tempestade nos cachorros.

 

Mata as Células Cancerígenas

Resultados de pesquisas apontam que o óleo de CBD tem um impacto significante no combate ao crescimento e proliferação das células cancerígenas. Apesar dos exames de laboratórios terem sido conduzidos apenas em ratos e hamsters, os relatórios médicos apontam para resultados bem promissores.

 

Para Convulsões

A convulsão é uma perturbação nas atividade elétricas que pode resultar em tremedeiras muito violentas. As convulses normalmente se iniciam no cérebro e são muito difíceis de tratar. Recentemente, alguns estudos científicos apontaram que o uso dos óleos de CBD pode reduzir significantemente o numero e também a intensidade dessas difusões elettricas nos cérebros do animais.

 

Alívio da Dor

O inchaço e a dor nos cachorros e gatos são regulados pelo receptor vanilóide presente no cerebro. Quando o CBD interage com este tipo de neurónio, é provadamente eficaz o bloqueio e prevenção de que este receptor atue e assim demonstrar a dor ao corpo.

 

Estimula o Apetite

Pesquisas provam que o CBD tem o poder de diminuir a náusea e estimular o apetite através de uma interação com diferentes neurónios presentes no cérebro do seu animal. Como resultado, isso possibilita que o seu cachorro se recupere de problemas que ele já venha sofrendo no passado e prevenir problemas como convulsões e câncer. O corpo sempre precisa de energia através de comida para combater estes problemas, mas se o corpo não digerir bem toda essa comida o seu animal pode ter problemas. O CBD tem efeito positive no auxílio na digestão dos animais.

 

Efeitos Colaterais

Os efeitos colaterais do uso de CBD nos animais de estimação são praticamente mínimos e aparecem apenas em casos extremos. O efeito mais comum apontado por veterinários são a letargia e sonolência. No entanto, a sonolência aparece como algo positivo para muitos donos de cachorros. Os cão devem dormir uma media de 13 horas por dia. Há também Registro de casos extremamente raros sobre vômito e coceira após o uso do óleo de CBD.

 

O Meu Cão Pode Ter Uma Overdose de CBD?

Tenha cuidado com a quantidade de CBD que você vai dar para o seu animal. A overdose do é óleo pode apresentar um risco muito grande para cães e gatos. Se os animais tomarem muitos componentes do THC, eles podem superaquecer. Os efeitos colaterais de uma overdose de CBD pode durar entre algumas horas e até dois dias, dependendo da quantidade ingerida. Nestes casos, é natural que o seu animal perca o apetite por algum tempo e não se comporte de maneira normal.

Uma reclamação comum entre os donos de animais de estimação é que cães e gatos não são capazes de dizer quanto eles estão ansiosos ou quanta dor eles estão sentindo. Portanto, depois de aplicar o óleo de CBD nos animais, tenha o cuidado de observar atentamente ao seu pet, especialmente de ele apresentar alguma alteração no apetite, nível de energia, comportamento ou outras atividades.

Se você suspeitar que o seu animal está sofrendo de uma overdose, através dos sinais apresentados acima, pare imediatamente o tratamento e leve o seu animal para o veterinário. Mas, é claro, é de sua responsabilidade dosar a quantidade de CBD que seu animal vai ingerir, portanto tome cuidado.

 

Os Veterinários Recomendam o CBD para Animais?

Se você pensa em adquirir os produtos CBD para o seu pet, é recomendado que antes você converse com o veterinário. Não se surpreenda se o veterinário se posicionar contra o uso de produtos oriundos da cannabis no tratamento do seu pet. Apesar dos muitos estudos com resultados positivos, a ideia ainda é muito nova para alguns especialistas. Eles podem não estar atualizados com os resultados, então, apesar da opinião deles ser fundamental, não deixe que uma opinião negative de desencoraje de compram e usar o produto CBD no seu pet. Geralmente, eles podem te dar uma visão geral de todos os efeitos do uso de cannabis em animais, então eles podem te direcionar para qual tipo de óleo de CBD seria melhor para o seu animal de estimação.

Faça sua própria pesquisa e então fale com o veterinário do seu cachorro ou gato para ter a recomendação apropriada. Tenha em mente que os efeitos colaterais são praticamente nulos, então usar os óleo CBD nos seu pet não vai fazer mal à ele. Se por acaso o seu cão mostre algum efeito negativo, basta para imediatamente.

É muito importante selecionar o produto CBD que seja extraído de maneira orgânica. Pois assim você se assegura de que o produto não contém substâncias que são completamente agressivas ao seu pet.

 

Como usar o CBD no seu Pet

Normalmente os óleos CBD são aplicados nos animais via oral, o que significa que a maneira mais fácil de dar o produto para o seu animal é diretamente na boca ou com o conta gotas. Porém, isso pode ser uma tarefa difícil nos animais que se comportam de uma maneira não tão boa.

A maneira mais popular para fazer o seu cão ou gato ingerir o produto é colocar na comida ou recompense. Lembre-se de esperar alguns minutos para que o produto penetre no alimento, pois o CBD não é um alimento de rápida absorção. A medida sugerida é uma gota do óleo de CBD para cada quilo de refeição. Porém, esta dosagem não é recomendada para aves domésticas.

Outra maneira é aplicar o óleo através de uma seringa, No meio da língua ou na região lombar do animal, use uma seringa ou uma pistola de silicone. Este não é o método mais popular e nem o menos dolorido, mas também pode ser feito. Para problemas como pequenas feridas, erupções cutâneas, feridas e pontos quentes, aplicar óleo de CBD como tintura ou pomada pode ser uma opção melhor.

Se nenhum destes métodos te agradar, agradar ao seu pet ou funcionar, você pode também colocar as gotas do óleo na água do seu pet. Porém, desta maneira o produto dificilmente será ingerido pelo animal e haverá desperdício do óleo.

 

Quanto CBD você deve dar ao seu Pet?

Como dito anteriormente, uma overdose de CBD pode resultar em efeitos colaterais e até efeitos colaterais  psicoativos no seu pet. Portanto, é muito importante que você aplique apenas a dosagem correta no seu animal. Infelizmente, não há uma tabela de dosagem. Cada animal apresenta uma resistência diferente, logo, é importante que você observe a reação do seu animal quando aplicar o produto.

A regra mais comum e aplicada por veterinários é a de uma gota a cada 10 quilos que seu animal pese. Mas, ao invés de usar os produtos CBD cegamente em seu animal, você deve leva-lo à um veterinário experiente e que conheça o produto. Se o especialista nunca usou o produto, encoraje o veterinário a pesquisar sobre e compartilhe com ele alguns documentos.

 

E Se O Meu Veterinário Não Recomendar O CBD?

Se você decidir dar ao seu pet o óleo CBD sem a aprovação do seu veterinário, aqui vai um guia geral de recomendação feito por veterinários que aprovam o uso de CBD.

Consulte a nossa progressão recomendada no uso de óleo CBD para seus animais de estimação:

  • Comece com uma gota para cada 10 quilos apenas uma vez ao dia
  • Repita o processo durante uma semana
  • Aumente a dosagem para duas vezes ao dia
  • Repita o processo durante uma semana
  • Aumente a dosagem para três vezes ao dia e siga fazendo isso durante uma semana

É claro que você pode aumentar a dosagem ou manter a dosagem de acordo com a reação do seu animal de estimação. É fácil perceber os resultados no comportamento do seu pet. A quantidade não varia muito, mas sim a frequência. Normalmente a dosagem de uma coda a cada 10 quilos é a mais segura, a partir disso observe a reação do seu animal e ajuste a quantidade de vezes ao dia em que ele ira receber o óleo de CBD.

 

Conclusão

Em geral, por muitas décadas inúmeros estudos e pesquisas comprovam que o uso de cannabis medicinal e o óleo de CBD, para ser mais específico, possui inúmeros benefícios para o seu animal de estimação. Você pode usar estes produtos regularmente para melhorar a vida do seu animal e para aliviar a ansiedade, dor, chance de câncer e convulses.

Apesar do óleo de CBD ser muito menos tóxico para os animais do que outras medicinas, existe sempre a câncer de efeitos colaterais e overdose em cães e gatos. Porém, usando corretamente os produtos CBD as chances de você ter o seu querido e fiel companheiro por muitos anos em sua vida aumentam significativamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

nine + 8 =