12 min read
Rate this post

CBD é a sigla para Cannabidiol. Um composto encontrado no cânhamo e na folha da maconha que não possui os efeitos intoxicantes e viciantes encontrado em outros compostos da maconha como o Tetrahydrocannabidiol (THC). Portanto, é uma substância legal, que é vendida e usada em muitos países ao redor do mundo.

 

O que é Hepatite?

A Hepatite é uma doença definida pela inflamação do fígado. Geralmente a causa desta doença é viral, embora existam também outras causas possíveis, que pode ser resultado do abuso de substâncias tóxicas como o álcool, as drogas, medicações ou mesmo umas condição em causa aparente no fígado. A Hepatite autoimune ocorre quando o corpo produtos antibióticos contra os tecidos do fígado. A hepatite pode então levar para a cirrose, insuficiência hepática e até o câncer de fígado.  

Esta doença também pode ser transmitida quando uma pessoa que não possui a infecção ingere água ou comida que foi infectada com fezes de algum individuo contaminado. Não são apenas as fezes que podem contaminar, mas também o sangue e sémen de uma pessoa infectada. Existem cinco topos de hepatite. A Hepatite D ocorre apenas quando já existe a Hepatite B presente.

 

Por que o CBD ajuda no tratamento da Hepatite?

Recentemente, o CBD ou Cannabidiol é apontado como um agente responsável por tratar diferentes problemas de saúde ou doenças após pesquisas clínicas e de laboratórios. De acordo com um estudo conduzido pelos pesquisadores da Universidade da Carolina do Sul, o CBD pode ser usado para tratar a hepatite. O CBD interage com os receptores endocannabinoides no nosso corpo para oferecer o alivio nos sintomas da hepatite, tanto a viral quanto a autoimune. Pesquisa revelou que os receptores podem ser ativados para reduzir a inflamação hepática, que impede a formação de cicatrizes no fígado. Por exemplo, quando o cannabinoide se conecta com o receptor CB2, ele ajuda a reduzir a inflamação que num fígado com doença hepática gordurosa e também promove a regeneração do fígado. O CBD ajuda no alívio da dor causado por este problema e também nos efeitos colaterais causados pelo tratamento da hepatite.

 

Quais são os benefícios de usar o CBD para tratar a hepatite?

Usar o óleo de CBD para tratar a hepatite pode te trazer inúmeros benefícios. O CBD protege o fígado de uma lesão aguda. Um teste foi feito num hámster e revelou o efeito de tratar a hepatite com o CBD. O resultado foi a diminuição da lesão no fígado do animal.

Um estudo usando este método revelou que o CBD tem um impacto direto nas citocinas inflamatórias. O CBD suprime as citocinas inflamatórias que trazem danos ao fígado. Isso aumenta a durabilidade dos tecidos fígado e consequentemente eles continuam filtrando a sujeira e as toxinas do sangue.

O CBD também é conhecido por ser um antioxidante excelente. Oxidação é um processo prejudicial que acontece como um subproduto do fígado quando as enzimas do fígado quebram as substâncias indesejadas encontradas no sangue. Antioxidantes como o CBD ajudam na prevenção desta oxidação. O fígado do ser humano digere as moléculas encontradas no nosso sangue e começa o processo de degradação em que os rins finalizam produzindo a urina. O processo cria radicais livres que são oxidantes. Estes radicais podem causar danos para as células humanas através de inflamações por conta da sua reatividade.

Usar o CBD ajuda a frear estes compostos perigosos que podem resultar em ameaças para as moléculas e faixa de DNA. Quando o CBD é combinado com estes radicais livres, ajuda na prevenção de qualquer dano que poderia ser causado por uma combinação errada com alguma célula importante. Esses radicais livres se aglomeram ao redor do fígado, consequentemente fazendo uma pressão nas células hepáticas. Canabinnoides, no entanto, agem como guardiões entre o fígado e o perigo que pode ser gerado por estas ações dos subprodutos.

 

Efeitos colaterais do uso de CBD para tratar a hepatite

Mesmo o CBD sendo considerado seguro, algumas pessoas podem apresentar efeitos colaterais. Estes efeitos podem incluir náusea, diarreia, sonolência, mudança no apetite e boca seca. Estas consequências são muito raras e não tão severas quanto os efeitos colaterais das outras drogas usadas para tratar a Artrite

 

Dosagem de CBD para hepatite

Cada pessoa é diferente e a reação de todos ao CBD é diferente. A dosagem recomendada de cada produto pode diferir bastante, criando alguma confusão. A dosagem pode ser diferente dependendo da percentagem de óleo CBD que você está usando. Em média, 25mg de CBD por dia é eficaz para a maioria das pessoas. Encontrar a dose certa ajuda alguém a obter uma recuperação rápida, enquanto a dosagem errada pode significar nenhuma melhora.

Cada pessoa apresenta uma reação ao CBD. Cada produto CBD possui uma recomendação diferente para dosagem. A doença a ser tratada e o tipo de pessoa gera essa variação que pode  confundir os usuários. A dosagem pode ser diferente de acordo com a percentagem de óleo CBD que você está usando. Em média, 25mg de CBD por dia é a sondagem que agrada a maioria das pessoas. Para os sintomas mais fortes, a dosagem pode ser aumentada gradualmente cada semana até que os sintomas desapareçam. Isso, é claro, varia de paciente para paciente e então é importante sempre monitorar as reações. Para mais detalhes sobre dosagens, confira o nosso posto sobre Dosagem De CBD.

 

Como eu posso usar o CBD para tratar a hepatite?

Se você optar por usar o óleo de CBD via oral, apenas coloque algumas gotas em baixo da sua língua e mantenha o produto até ele ser absorvido pela sua boca. Não engula o produto diretamente, aguardada pela absorção. Esse processo melhora a digestão do produto e absorção pelo corpo. Você também pode tomar cápsulas ou misturar em alguma bebida.

Outro método de consume do produto é via vaping. É possível também por meio de vaporizadores e inaladores. Este método é um dos mais rápidos e com efeito instantâneo. Este método é extremamente recomendado no caso de enxaqueca, por conta do seu efeito extremamente rápido. No entanto, não inale o produto se você possui asma, por exemplo, ou se você é um iniciante. O efeito pode ser muito forte para o seu corpo por conta do efeito num curto espaço de tempo, ou seja, o efeito é muito mais intenso e algumas pessoas podem não estar acostumadas.

O CBD pode também ser aplicado diretamente na pele na forma de creme ou loção. Você pode sempre tentar outras maneiras de usar os produtos e definir qual funciona melhor no seu caso. O resultado é sempre muito relacionado ao seu estilo de vida e corpo.

 

Histórias de sucesso de pessoas que usaram o CBD para tratar a hepatite

Muitas pessoas defendem o uso do CBD para tratar os diferentes tipos de hepatite. *João, que possui Hepatite e HIV, compartilha como ele tentou diferentes medicações para suprimir a dor e os perigos causados pela hepatite. Ele diz que apesar dos médicos terem conseguido controlar a HIV, a hepatite  que ele contraiu sempre foi muito difícil de lidar. Porém, os extratos do cânhamo possibilitaram diminuir os efeitos causados pela doença.

João diz que a planta é uma bênção de Deus e recomenda para todos que tem hepatite experimentar os benéficos que o CBD oferece.

 

O que as pesquisas falam sobre usar o CBD para tratar a Hepatite?

Os novos estudos sobre os efeitos do CBD trazem muita esperança para as pessoas que tem hepatite. Muitos estudos mostram que a cannabis é a ajuda que todos os pacientes com hepatite necessitam e procuram. Apesar de alguns efeitos colaterais durante o tratamento, as vantagens da medicação sobrepõem as desvantagens por conta dos inúmeros benefícios e resultado rápido.

Há pesquisas que relatam as propriedades do CBD e habilidades em ajudar pessoas que tem Hepatite B por conta das suas propriedades anti-flamatórias. Essas seriam grandes notícias para pessoas que sofrem com cirrose, pois traria uma esperança para a cura das doenças ocasionadas no fígado.

*Nomes foram alterados para preservar a identidade dos pacientes que não quiseram se identificar.

 

Aviso Legal:

As informações disponibilizadas nesta página são baseadas em estudos e pesquisas, bem como experiências de usuários da CDB.

Para uma condição médica, sempre consulte um profissional de saúde antes de consumir o CBD. Estes produtos não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença, enfermidade ou condição da pele. Qualquer informação contida ou disponibilizada em nosso site não se destina a ser usada como substituta de aconselhamento médico ou informações de profissionais de saúde licenciados. Por favor, consulte um profissional de saúde licenciado sobre quaisquer possíveis interações ou complicações antes de usar nossos produtos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

15 + fifteen =